Mostrando postagens com marcador jornal pelourinho. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador jornal pelourinho. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 22 de março de 2017

Piscina, 1973

O Sr. Ministro da Educação Nacional concedeu um subsídio para a Piscina de São Vicente da Beira

Sua Ex.ª o Sr. Ministro da Educação Nacional exarou um despacho para concessão dum subsidio destinado à construção da Piscina em São Vicente da Beira. Ainda não sabemos ao certo qual o quantitativo da comparticipação inicial do Ministério Nacional da Educação, o que esperamos venha a concretizar-se dentro de pouco tempo. A Piscina enquadrada no futuro Parque Infantil e de juventude, está orçada em cerca de 600 contos. O Ilustre Ministro da Educação Nacional, Professor Dr. Veiga Simão, recebeu com agrado a petição feita por intermédio do Ex.º Presidente da Câmara Municipal a que deu deferimento imediato para a concessão de subsídio pelo mesmo Ministério.
A Vila de são Vicente da beira está naturalmente grata a S. Ex.ª e pede o máximo de generosidade para que tal obra seja em breve uma realidade nesta terra. As crianças e juventude, sobretudo, saberão ser igualmente gratas ao Governo da Nação perante uma Obra que virá trazer-lhes imensos benefícios à sua constituição física e moral.
O Pároco, promotor desta iniciativa está profundamente reconhecido ao senhor Ministro da Educação a quem saúda respeitosamente.

-           QUE FAZES AQUI?
-           ESTOU À ESPERA…

MAS MEU MENINO E VÓS OUTRO, QUEREIS SABER O QUE JÁ CHEGOU DE MUITO AMOR POR VÓS? ORA VÊDE:
O Senhor Ministro da Educação Nacional atendeu o nosso pedido e vai dar-nos uma ajuda substancial. Ele quer que os meninos das escolas aprendam natação. É vosso amigo. Temos também dum Senhor Doutor Holandez que nos tem ajudado muito, é o Sr, Dr. Hendrik de Rook. Pois este nosso querido benfeitor enviou-me 10 000$00 para a vossa Piscina. Deveis estar-lhe muito gratos e deveis rezar por ele para que tenha muita saúde a fim de vos dar ainda mais, que tem um coração muito generoso.
Mas os vossos amigos são muito, rezai por todos.
Se não vede:
Uma pessoa anónima: 1 000$00; mais do Sr. Afonso Costa (de Moçambique) com uma carta muito linda: 150$00; Da França do Sr. Albertino Duarte Martins: 50$00; da Sra. Aldina de Vires Caldeira: 2 000$00; e que nunca as mão lhe doam. Mas esta senhora entregou-nos mais 1 000$00; dos Srs. Gonçalves de Azevedo que estiveram de visita em sua casa. O Sr. Alípio Bau veio com uma nota de 50$00. O Sr. António de Jesus Candeias deu 50$00, o Sr. António de Jesus Craveiro 50$00, um anónimo com a mesma quantia de 50$00, é de Castelo Branco. Por mão própria o Sr. António Teixeira Governo: 100$00 e de igual forma e nota igual o Sr. António Prata Rodrigues Inês, o Sr. Adão Boaventura Caldas Costa: 50$00, o Sr. Domingos José Pedro: 150$00, que nos fez uma visita; o Sr. Domingos Candeias: 20$00; Sr. Francisco da C. Pereira de frança, 100400; de Angola uma carta e 500$00 do Sr. Francisco Duarte Leitão; Sr. Francisco Eduardo Candeias de Castelo Branco: 100$00; Sr. Francisco José Bau, mandou o seu filho visitar a sua terra, o que ele admirou e deixou 50$00. Mais 75$00 do Sr. Francisco Moreira Nicolau. Vieram apresentar-nos cumprimentos a família do Sr. Francisco Miguel que nos entregou 50$00; Sr. Francisco Nicolau do Rio deixou 20$00; Sr. Herminio de Matos Fialho entregou-nos pessoalmente 100$00 e de igual modo fez o Sr. Jaime Pedro, 100$00. O Sr. João da Conceição e Silva que muito sabiamente escreveu para o nosso <>, nunca esqueceu a terra do seu pai e que frequentou quando pequeno, pois aqui, está ele a ajudar os pequeninos com 1 000$00. O Sr. João Freixo Boavida, da Caparica 200$00 e mais 100$00 do Sr. João Fernandes, 100$00 do Sr. Joaquim Ambrósio (França), e também do Sr. Joaquim dos Anjos Candeias (Alemanha). O Sr. Joaquim dos Santos Caio (Lisboa), pelos seus netinhos Tiago e Melissa, 200$00, o Sr. Joaquim dos Santos Craveiro, 100$00. O Sr. Governador de Niassa, Moçambique, Sr. Coronel Guardado Moreira enviou-nos 1 000$00, o Sr. José Maria Gama com 100$00, o Sr. José Maria Lino: 50$00 e Sr. José Maria Patrício, também 50$00, mais 100$00 do Sr. José Martins e 200$00 da Sra. Laurentina Gama (Angola) e ainda 200$00 da Sra. D. Lúcia M. Lopes Agostinho, o Sr. Luís Martins que está na Bélgica deu-nos 50$00.
Tivemos muita satisfação em cumprimentarmos o amigo Sr. Manuel Marques dos santos que faz vida em Alcobaça e veio matar saudades a esta sua terra que já não via há largos anos, ele deixou-nos 100$00, também o Sr. Manuel Martins Paiágua, esteve connosco e ficaram por sua vontade, 200$00, mas há mais: Sra. D. Bárbara Marques Jerónimo, que nos visitou com o marido e filhinhos, vindos de França cá nos deixou 250$00. A Sra. D. Maria Emília Patrício de Lisboa também nos visitou e ofereceu 100$00 e a D. Maria do Carmo Cardoso entregou-nos 50$00, a Sra. D. Maria Fernanda Marcelino que está na Alemanha: 100$00, ainda 50$00 da Sra. D. Maria de Jesus Sousa Campos e mais 100$00 da Sra. D. Maria de Lurdes Cardoso de Lisboa. Entregaram-nos 50$00 a Sra. D. Maria Madalena Candeias Moreira, 200$00, o Sr. António Pereira que trabalha na Bélgica e 50$00 por portador a Sra. D. Maria Rosa Vitório. A Sra. Maria Teresa Craveiro Santos Nicolau enviou-nos do Brasil a linda conta de 1 000$00. Temos oferta de 20 francos do Sr. António Martins Lino, 100$00 do Sr. Miguel Hipólito Jerónimo e 120$00 do Sr. Lino Martins que nos visitou pessoalmente quando veio a Portugal. E a coisa por agora está quase a terminar.
São 100$00 do Sr. Anselmo Pereira, uma entrega pessoal de 500$00 da Sra. D. Maria Cunha Pignatelli Fonseca e mais 150$00 do Sr. José dos Santos Prata (França) que com a sua família nos fez uma visita ao nosso cartório. Para já é tudo, resta-nos prestar homenagem sincera a estes construtores dum São Vicente mais belo. Estou contente porque estais comigo. Um grande abraço do Pároco Amigo, muito reconhecido.


Do “Pelourinho”, dezembro de 1973
Jaime Gama